sábado, 27 de fevereiro de 2010

IDÉIA FANTÁSTICA

A cantora e ativista Rita Lee teve uma daquelas idéias
brilhantes, dignas do seu gênio criativo.
Reclamando da inutilidade de programas como o Big
Brother, encurralados, a fazenda, dos artistas... ela deu a seguinte sugestão:

- Colocar todos os pré-candidatos à presidência da República e Governadores trancados em uma casa, debatendo e discutindo seus respectivos programas de governo.

Sem marqueteiros, sem assessores, sem máscaras e sem discursos ensaiados. toda semana o público vota e elimina um.
No final do programa, o vencedor ganharia o cargo público
máximo.
Além de acabar com o enfadonho e repetitivo horário
político, a população conheceria o verdadeiro caráter
dos candidatos.

Assim, quem financiaria essa casa seria o repasse de parte do valor dos telefonemas que a casa receberia e ninguém mais precisará corromper empreiteiras, empresas de segurança, compras de filtros de água ou empresas de lixo sob a alegação de cobrir o 'fundo de campanha'.

A idéia não é incrivelmente boa?

Se você também gostou, mande essa mensagem para os amigos e faça coro pela campanha:

Casa dos
Políticos, já!!!

Rita Lee.

EXTRA EXTRA!!!

Tem alguma coisa no ar, sobre Macapá, que não é urubu, muito menos avião de carreira.

Preste atenção:
-No meio da semana um grupo de empresários partiram num vôo, a tarde, não se sabe pra onde, nem com quem seria o contato. Coisa incomum.
-Na semana passada, o atual secretário de educação foi denunciado pelo MP, por desvio de verbas da SEED, que somam a "bacatela" de 200 milhões de reais.


As cenas do próximo capítulo podem ocorrer antes mesmo do sol raiar de domingo.

Vou comprar uns litros de açaí, assar um tucunaré e aguardar. Em casa, é claro.

PARÁ == Pantera recebe punição mas segue na Copa do Brasil

O São Raimundo segue na Copa do Brasil. Por maioria de votos, a Quarta Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) decidiu na tarde de hoje (26), punir o clube paraense com a perda de três pontos no torneio nacional. No entanto, os auditores não optaram pela exclusão da equipe, e, com isso, o duelo com o Botafogo, dia 11 de março, válido pelo jogo de volta da primeira fase da competição, está mantido. A confusão, agora, é quanto aos critérios de desempate para o segundo confronto, que ficarão a cargo da CBF.

Na visão dos auditores, o São Raimundo não perdeu três pontos conquistados, e sim sai atrás na disputa, como se possuísse menos três pontos a partir de agora. Com isso, se vencesse o Botafogo, estaria classificado por ter o mesmo número de pontos (as duas equipes estariam zeradas), tendo a vitória como critério de desempate. Qualquer outro resultado (inclusive um empate) favoreceria o Botafogo. Contudo, a decisão ainda será avaliada pela CBF, que definirá como serão os critérios para o confronto. A entidade só não poderá excluir o clube paraense, pois, assim, contrariaria a decisão do STJD.

A Procuradoria do STJD denunciou o São Raimundo pela escalação irregular de três jogadores – o atacante Hallace, o volante Beto e o lateral-esquerdo João Pedro – no primeiro jogo contra o Botafogo, disputado no Colosso dos Tapajós, em Santarém/PA. Os nomes dos atletas não constavam no Boletim Informativo Diário (BID).

Em depoimento na sessão desta sexta-feira, o presidente da Federação Paraense de Futebol, Antônio Carlos Nunes, assumiu a falha na inscrição dos atletas. Em seguida, o advogado Pedro Diniz disse que o clube esteve completamente correto e que não poderia ser prejudicado pela culpa da FPF, afastando uma possível exclus

O São Raimundo foi denunciado com base no artigo 214 (incluir na equipe, ou fazer constar da súmula ou documento equivalente, atleta em situação irregular para participar de partida) do Código Brasileiro de Justiça Desportiva. Entretanto, os auditores optaram por não aplicar o §4º do artigo, que diz: “não sendo possível aplicar-se a regra prevista neste artigo em face da forma de disputa da competição, o infrator será excluído da competição”. Eles entenderam que é cabível, sim, a pena de perda de pontos.

O clube ainda irá estudar se entrará com recurso da decisão. Em caso afirmativo, para não prejudicar a sequência do torneio, o processo precisaria ser julgado urgentemente pelo Pleno do STJD. A próxima reunião dos auditores da instância máxima da Justiça Brasileira ainda não tem data marcada, mas o caso teria que ser julgado na próxima quinta-feira, dia 4 de março, tendo em vista o jogo do dia 11

Tartarugalzinho e Pracuúba recebem Ações Itinerantes

A Secretaria de Estado da Saúde, através da Coordenação Regional de Saúde, realiza no período de 24 a 27 de fevereiro mais uma Ação Itinerante. Desta vez, os Municípios de Pracuúba e Tartarugalzinho foram os contemplando com os serviços ligados aos ricos de agravos à saúde da população.
Nas ações serão disponibilizados 66 servidores que prestarão atendimento contínuo de natureza ambulatorial e cirúrgica aos usuários que necessitarem dos serviços de saúde. Para que os serviços ocorram de forma satisfatória, a SESA irá ceder médicos especialistas e cirurgiões, enfermeiros, técnicos de enfermagem, odontólogos, nutricionistas, bioquímico, psicólogo, assistente social, além de outros profissionais.
A Coordenadora da Regional de Saúde do Estado, Gracinete Espíndola, explica que a Secretaria de Saúde deu todo apoio para que as duas comunidades tenham um atendimento de qualidade. “Durante o atendimento serão disponibilizados medicamentos e correlatos para a realização dos procedimentos e instalação de tratamento. Haverá ampliação dos leitos hospitalares destinados ao pós-cirúrgico e observação de pacientes internados, além de equipamentos para apoio ao diagnostico”, explica.

Para o Secretario de Saúde, Pedro Paulo Dias, a saúde tem de ser vista de forma igualitária. “A SESA quer garantir o direito a saúde aos usuários do Sistema Único de Saúde de forma igualitária. Percebemos a necessidade de proporcionar às populações longínquas um atendimento de qualidade e para isso uma equipe de multiprofissionais de saúde irão atuar neste ação”, finaliza.

Prevenção ao escalpelamento terá linha de crédito subsidiado

Brasília, – O Governo Federal lança, dia 11 de março, em Belém do Pará, a campanha de prevenção aos acidentes com escalpelamentos que vitimam especialmente mulheres e crianças, quando seus cabelos são arrancados pelos eixos das embarcações que usam motores adaptados para a navegação.
A deputada federal Janete Capiberibe (PSB/AP), autora da lei 11.970, sancionada ano passado pelo presidente em exercício José Alencar, que obriga instalar proteção nos eixos das embarcações, elogia a iniciativa que reúne governos, a Marinha do Brasil, BASA, Petrobrás e Transpetro, além de organizações da sociedade civil, como a ONG Sarapó.
Estima-se mais de 1,5 mil vítimas na Amazônia. No estado do Amapá foram registradas 4 vítimas em 2009 e já são 3 vítimas neste ano. A foz do rio Amazonas e o estado de Santa Catarina são os lugares de maior incidência deste tipo de acidente.
Calendário – Segundo informação do Gabinete Pessoal do Presidente da República, o evento lançará duas campanhas simultâneas com a finalidade de reduzir este tipo de acidentes. Uma é a cobertura dos eixos das embarcações, realizada pela Marinha do Brasil. De 20 a 25 de março, a ação ocorrerá em Breves, no Pará, e na 2ª quinzena de abril será em Santana, no Amapá. As coberturas feitas em metal serão financiadas por meio de parceria com o Banco da Amazônia S.A. - BASA, Petrobrás e Transpetro.
A outra é a campanha institucional de prevenção ao escalpelamento para alertar os ribeirinhos sobre os riscos de acidentes quando as embarcações navegam com o eixo de transmissão exposto e a obrigatoriedade da cobertura exigida pela Lei 11.970/2009, cujo projeto original é de autoria da deputada federal Janete Capiberibe (PSB/AP) e foi apresentado na Câmara dos Deputados, em 2007, a pedido da Associação das Vítimas de Escalpelamento do Amapá.
Financiamento – Na próxima semana, deve chegar à Câmara dos Deputados o projeto de lei que institui uma linha de crédito diferenciada para que os ribeirinhos possam trocar os motores e adequar as embarcações. O projeto precisa ser debatido e aprovado na Câmara e no Senado Federal antes de virar lei e entrar em vigor.
O grupo de trabalho sugerido pela deputada Janete Capiberibe ao ministro dos transportes Alfredo Nascimento, em maio de 2008 e instituído pela portaria 152, de 11 de junho de 2008, debateu a criação de uma linha de crédito especial com recursos do Fundo da Marinha Mercante. O GT foi coordenado pelo secretário Pedro da Costa Carvalho, da Secretaria de Fomento para Ações de Transportes e incluiu a Comissão da Amazônia, DNIT, ANTAQ, Administração das Hidrovias da Amazônia Ocidental, ATRAC e Marinha do Brasil, além da participação eventual de outras entidades da sociedade civil e do governo.
O projeto financiará pequenos estaleiros e armadores, permitindo a construção de embarcações que não ofereçam risco aos ocupantes. Duas reuniões deste GT foram realizadas na Assembleia Legislativa do Amapá e ouviram ribeirinhos, armadores e construtores navais amapaenses. Nas reuniões, os integrantes do grupo conheceram os estaleiros da Vila do Elesbão, em Santana, e a Escola de Pesca. Além da taxa de juros diferenciada, a cada prestação paga pelo tomador
Escolas Navais – A intenção da deputada Janete Capiberibe, propositora do Grupo de Trabalho, no entanto, é a instituição de uma política mais ampla de navegação fluvial na Amazônia que contemple, além do financiamento, a implantação de escolas técnicas federais para a construção naval e a navegação fluvial em cada um dos estados amazônidas permitindo a formação de técnicos capacidades para as atividades. A iniciativa está sendo debatida pela parlamentar amapaense com a Secretaria de Educação Tecnológica do Ministério da Educação e com o Ministério da Ciência e Tecnologia.
Sizan Luis - Direto de Brasilia

Terrenos de marinha

Tramita na Câmara o Projeto de Lei 6752/10, do Senado, que anistia as pessoas carentes ou de baixa renda que ocupam terrenos de marinha. Conforme o Decreto-Lei 9760/46, que lista os bens da União, os terrenos de marinha são:
- os que ocupam a faixa litorânea de terra 33 metros medida a partir da linha das áreas inundadas pela maré alta do ano de 1831;
- os situados no continente, na costa marítima e nas margens dos rios e lagoas, até onde se faça sentir a influência das marés;
- os que contornam as ilhas situadas em zona onde se façam sentir a influência das marés. A influência das marés é caracterizada pela oscilação periódica de cinco centímetros pelo menos do nível das águas, que ocorra em qualquer época do ano.
Os ocupantes terrenos de marinha têm de pagar uma taxa anual (aforamento) à União. O direito de ocupação desses terrenos é chamado enfiteuse. O decreto não considera terrenos de marinha áreas que tenham passado para o domínio de estados, municípios ou particulares, de propriedade da União, do pagamento de foros e taxas de ocupação devidos nos últimos cinco anos. A anistia valerá para as pessoas com renda familiar igual ou inferior a cinco salários mínimos. O autor da proposta, senador José Sarney (PMDB-AP), afirma que a anistia é uma medida necessária diante da incapacidade financeira dos potenciais beneficiários. O senador também aponta inconsistências no cadastro dos imóveis administrado pela Secretaria de Patrimônio da União (SPU) para justificar a dispensa do pagamento, já que as falhas podem estar motivando cobranças indevidas de foros e taxas.
Tramitação
O projeto tramita em caráter conclusivo e será analisado pelas comissões de Trabalho, de Administração e Serviço Público; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.
Direto de Brasilia

sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

Justiça condena cunhado de Roseana a indenizar ex-governador do Maranhão


SÍLVIA FREIRE
da Agência Folha

Sócios do extinto jornal "Veja Agora", o secretário da Saúde do Maranhão, Ricardo Murad (PMDB), e o jornalista Hostílio Pereira da Costa, foram condenados pelo Tribunal de Justiça a pagar R$ 16,8 mil, acrescidos de juros de 1% ao mês, ao ex-governador José Reinaldo Tavares (PSB) por publicação de texto ofensivo a sua honra.

Murad é cunhado da governadora Roseana Sarney (PMDB), adversária política de Tavares. O jornal foi criado em 2005 e deixou de circular depois da eleição de 2006.

A condenação, segundo o advogado Rodrigo Lago, que representa o ex-governador, é referente a uma das 20 ações cíveis e criminais protocoladas contra o jornal por Tavares durante sua gestão (2003-2006).

A relatora do processo, desembargadora Maria das Graças Mendes, da 1ª Câmara Cível do TJ-MA, entendeu que a publicação dos textos ocorreu sem a utilização de "fonte de veracidade e com uso de termos ofensivos sobre assuntos relativos à vida privada do ex-governador". De acordo com a decisão, os órgãos de imprensa têm "obrigação de publicar matérias com veracidade, possibilitando a defesa e resposta das pessoas envolvidas".

Segundo o advogado do ex-governador, o jornal publicou diversos textos e charges que atingiam a mulher e os filhos de Tavares. "Até uma briga da filha dele de seis anos no colégio foi publicada no jornal. Qual a necessidade de informar isso?", disse o advogado.

O advogado disse que não as ações buscam proteger a família do ex-governador e não limitar a liberdade de imprensa.

A assessoria de Murad disse que ele vai recorrer da decisão e não quis se pronunciar sobre a condenação.

Amapá perdeu 3 mil matrículas nas escolas estaduais

Brasília, 23/02/2010

A ação do Ministério Público do Amapá que denuncia o secretário estadual de educação Adauto Bitencourt (PDT) pelo crime de improbidade administrativa foi registrada no plenário da Câmara pela deputada federal Janete Capiberibe (PSB/AP). A socialista denunciou ainda que as escolas estaduais perderam 3 mil matrículas entre 2007 e 2008.
Junto com o secretário foram denunciados outros 12 servidores. Segundo o MP, o grupo teria desviado mais de R$ 200 milhões da Secretaria Estadual de Educação em contratos com a empresa de segurança Serpol, de Carlos Augusto Montenegro, contratado desde 2005 em regime emergencial.

Déficit
O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira – INEP – registrou o fechamento de 10 escolas, com redução de 3 mil 133 vagas na rede estadual do Amapá entre 2007 e 2008. A redução de 2,3% no número de vagas das escolas estaduais torna-se mais grave quanto contrastada com o crescimento populacional médio anual de 3,55%, um dos maiores do país, e tende a piorar os indicadores de analfabetismo (4,1%) e analfabetismo funcional (13,7%) medidos no estado pelo IBGE. Os estados em pior situação no país são Maranhão, Paraíba, Piauí e Alagoas.

Proteção
Na terça-feira, 23, um requerimento do deputado estadual Camilo Capiberibe (PSB/AP) que pedia o afastamento do secretário da educação do governo do estado deixou de ser votado por que a base governista abandonou a sessão da Assembleia para impedir a votação. Segundo o gabinete do deputado estadual os deputados da base governista Joel Banha (PT/AP), Francisca Favacho (PMDB/AP), Ricardo Soares (PT do B/AP), Zezé Nunes (PV/AP), Paulo José (PR/AP), Meire Serrão (PMDB/AP), Keka Cantuária (PDT/AP), Jorge Salomão (DEM/AP) e Mira Rocha (PTB/AP) abandonaram o plenário para proteger o secretário denunciado.

Ficaram para votar o pedido de afastamento de Adauto Bitencourt os deputados Dalto Martins (PMDB/AP), Jorge Amanajás (PSDB/AP), Eider Pena (PDT/AP), Isaac Alcolumbre (DEM/AP), Michel JK (PSDB/AP), Alexandre Barcellos (PSDB/AP), Moisés Souza (PSC/AP), Rui Smith (PSB/AP), Leury Farias (PP/AP) e Camilo Capiberibe (PSB/AP).

PROCURA-SE 2

Colegas de um cidadão recém formado por uma faculdade particular, estão atrás do “rápido” colega.
O cidadão que era responsável para guardar a grana, resultado da arrecadação da turma, para bancar custos com a formatura, até o momento não apareceu com o dinheiro, algo em torno de 1o mil reais.
Dizem os “ex-colegas”, que o “superman” sumiu com a verba.
Se alguém viu o gatinho, por favor, avise a turma.

PROCURA-SE A PRESIDENTE


Tá no blog da amiga Alcinéa:
achei legal a nota, que seria cômica, se não fosse de grande importância para a sociedade do samba.


Procura-se
Postado por: Alcinéa
25.02.10 3:03 pm

Há dias um oficial de Justiça procura pela presidente da Liesa para entregar a ela notificação do juiz Paulo Madeira.
A mulher sumiu. Escafedeu-se. As portas da Liesa nunca mais abriram.
Sei não. Mas acho que assim como ela brincou de fazer carnaval, agora tá brincando com a Justiça.



Este fato só justifica o que já escrevi aqui no blog.
"Está distante para termos um Carnaval profissional no Estado".

SESC ABRE VAGAS PARA ESTÁGIOS

Estão abertas as inscrições para o Processo Seletivo para Estagiários do Departamento Regional do SESC, nas áreas de: Jornalismo (1 vaga), Publicidade e Propaganda (2 vagas, sendo 1 para cadastro de reserva), Tecnologia de Redes (1 vaga), Serviço Social (1 vaga), Administração (1 vaga) e Ciências Contábeis (1 vaga).
Os acadêmicos devem estar cursando o 5ª semestre, com exceção do curso de Tecnologia de redes – a partir do 3º semestre. Além disso, para a inscrição, deverão apresentar cópia e original dos seguintes documentos: Declaração da faculdade, histórico acadêmico atualizado, comprovante de residência, RG, CPF, título de eleitor, CTPS, Carteira de reservista e PIS.
Inscrições até dia 05 de março, no Setor de Desenvolvimento Técnico (SEDET) do SESC Araxá, horário comercial (2ª a 6ª). O estágio tem duração de dez meses.
O VALOR DO SALÁRIO PARA OS ESTÁGIOS NÃO FOI INFORMADO.


O SESC está oferecendo 329 vagas gratuitas de cursos, através do Programa de Comprometimento e Gratuidade (PCG), para quem possui renda familiar até 3 salários mínimos. As inscrições para o Processo Seletivo estão abertas até o dia 12/03/2010, no Setor de Atendimento ao Cliente – SESC Araxá, horário comercial.
São vagas para os seguintes cursos e atividades: Projeto Habilidade de Estudo (contra turno escolar) – 85 vagas; música (20 vagas), artes cênicas (50 vagas); literatura (30 vagas); cinema (30 vagas); artes plásticas (30 vagas); Projeto Resgatando a Cidadania (84 vagas).
O Programa de Comprometimento e Gratuidade (PCG) é um Protocolo de Compromisso firmado entre o Ministério da Educação – MEC, Ministério do Trabalho e Emprego – MTE, Ministério da Fazenda – MF, a Confederação Nacional do Comércio – CNC, o Serviço Social do Comércio – SESC e o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial – SENAC e destina-se a pessoas de baixa renda, na condição de alunos matriculados ou egressos da educação básica e trabalhadores – empregados ou desempregados, priorizando-se aqueles que satisfizerem as duas condições: aluno e trabalhador.
O edital com todas as informações está disponível no sitio www.ap.sesc.com.br ou na Coordenação de Assistência (SESC Araxá – prédio administrativo).

Com informações da Ascom do Sesc

Índio quer falar !!!

A Secretaria Extraordinária de Políticas para os Povos Indígenas (Sepi), em conjunto com a Associação dos Povos Indígenas do Oiapoque (Apio), Fundação Nacional do Índio (Funai) e lideranças indígenas das aldeias Karipuna, Galibi Maruworno, Galibi Kalinã e Paliku,r estarão realizando a Assembléia de Avaliação dos Povos Indígenas do Oiapoque. O evento começa hoje, sexta-feira, 26, e vai até domingo, 28, na sede do município.
Durante o encontro serão tratados assuntos relacionados à saúde, educação, infraestrutura, meio ambiente, pavimentação e outras questões voltadas aos indígenas de Oiapoque. A Assembléia de Avaliação é um evento tradicional dos povos indígenas que ocorre todos os anos, que visa planejar ações e demandas que vão beneficiar a população indígena no exercício de 2010.
Um dos pontos que também será discutido na Assembleia é a pavimentação da BR-156, perímetro que liga o município de Calçoene ao Oiapoque, onde estão
localizadas dezenas de aldeias.
Para o secretário de Políticas para os Povos Indígenas, João Neves, a realização da Assembléia é de grande importância para as comunidades indígenas do Amapá. Trata-se do planejamento de ações que serão desenvolvidas durante o ano, e envolve diversos setores da sociedade. Além disso, é uma oportunidade para os indígenas participarem da elaboração de políticas públicas.

Tudo pronto para a festa do Padroeiro de Macapá

A Paróquia de São José já deu início à programação da festa que homenageia o padroeiro da cidade de Macapá com a Missa do Envio, realizada no último domingo, 21.
As festividades continuam durante março com peregrinação da imagem de São José, carreata, Santa Missa e procissão.
São José, Administrador, Fiel e Prudente é o tema deste ano da festividade que acontece durante o período de quaresma. Padre Paulo Lepre, coordenador geral da festa, explica que todos os anos o tema escolhido busca se referir ao tema da Campanha da Fraternidade, que em 2010 reflete sobre economia significando em primeiro lugar a administração da própria casa, e São José administrou bem sua casa, com fidelidade e prudência, adjetivos que foram tirados do evangelho.
A peregrinação da imagem de São José teve início dia 21, com a Missa do Envio, e passará por todos os bairros, seguindo programação já estabelecida pela Paróquia. O novenário será de 8 a 17 de março.
No dia 19 de março, Dia d São José, haverá a Missa Solene às 7h30, seguida da procissão, que assim como ano passado, será realizada pela manhã. O almoço comunitário também acontecerá no dia 19, logo após a procissão. A novidade deste ano é a homenagem preparada pela Confraria Tucuju, que acontecerá no dia 13 de março, na Quadra da Paróquia São José.

De acordo com padre Paulo Lepre, uma festa tradicional como a festa de São José começa a ser pensada em preparada já em novembro, logo após o Círio de Nazaré.
Informações da PASCOM

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

Carnaval 2010

















Meu amigo Gabriel Penha registrou alguns momentos do carnaval Beira Rio 2010.





Olha o astro aí gente!

Pra quem perguntou se eu havia parado de cantar,

a resposta está aí.

Escolas do Amapá liberam estudantes em razão da falta de merenda escolar

Por Eduardo Neves

Se não bastasse às denúncias de desvio de R$200 milhões da secretaria de Estado da Educação (SEED), divulgados pelo Ministério Público Estadual (MPE/AP), na última sexta-feira,19. Neste início de ano letivo o caos na educação chega ao extremo com a falta de merenda escolar em várias escolas do Estado.

A denúncia chegou na manhã desta quinta-feira, 25, ao conhecimento do deputado estadual Camilo Capiberibe (PSB/AP), através de uma mãe de aluno da Escola Estadual Marechal Castelo Branco, que preferiu não se identificar.

De acordo com a denúncia, a direção da escola decretou o turno da fome, e está liberando os alunos mais cedo, em razão da falta de merenda escolar. “Eu fico preocupada porque as aulas já começaram atrasadas e agora o meu filho está perdendo aula em razão da irresponsabilidade dos nossos governantes”, denunciou a mãe do aluno.

Ouvindo a denúncia, o deputado Camilo, pediu para que a sua assessoria fizesse um breve levantamento das escolas que estão na mesma situação. Em poucos minutos foi confirmada a informação da falta de merenda escolar generalizada, que atingem também as escolas Rivanda Nazaré, Padre Dário, Raimunda dos Passos, Santa Maria, Augusto dos Anjos, José de Alencar, Jesus de Nazaré e muitas outras em Macapá.

O caos também foi constado no município de Santana nas escolas Almirante Barroso, São Benedito, Everaldo Vasconcelos, Walcir Lima, Augusto Antunes e na escola Barroso Tostes onde as aulas ainda não iniciaram. No município de Laranjal do Jarí a SEED, não informou porque o ano letivo ainda não começou.

Diante das denuncias o deputado Camilo Capiberibe (PSB/AP), entrará com requerimento na Assembléia Legislativa do Amapá, solicitando ao governador Waldez Góes (PDT/AP) e ao secretário de educação, Adauto Bitencourt, acusado pelo Ministério Público Estadual de chefiar o esquema de corrupção na SEED, para que regularizem a merenda escolar na rede estadual de ensino imediatamente.

“Não podemos aceitar que as nossas crianças deixem de freqüentar a sala de aula, por falta de merenda escolar. É um direito garantido por Lei e é necessário que se restabeleça a merenda nas escolas”, cobra o deputado Camilo Capiberibe.

TAXISTAS VÃO ÀS URNAS

Hoje pela manhã, o Sintaxi-Sindicato dos taxistas, reuniu a classe para deliberarem assuntos relacionados às novas placas que serão autorizadas pelo poder publico municipal. Outro assunto que esteve em pauta na reunião, foi a eleição para a nova diretoria do sindicato da classe.
A votação acontece neste sábado, a partir das 8 horas da manhã, na sede do sindicato, no bairro Perpétuo Socorro.

UMA DICA AO COLEGAS

Como as boas maneiras deixam claro que não devemos falar mal de companheiros de trabalho, aproveito para dar uma dica de amigo:
A informação vai para o pessoal do cerimonial da Prefeitura Municipal, para que reveja a pronúncia ao anunciar o nobre prefeito em qualquer ocasião pública.
Roberto Góes é prefeito do município de Macapá, e não da cidade de Macapá.
A diferença é a seguinte: O município compreende a capital e os distritos, enquanto que Macapá. é apenas uma cidade.
Ontem, durante a assinatura de um convênio, na sala de reuniões, um assessor postou a voz e anunciou: “ouviremos agora o prefeito de Macapá”. Se eu fosse morador de São Joaquim do Pacuí, ficaria muito ofendido.

NOSSA GENTE, NOSSA HISTÓRIA



Tá na coluna do Lobato(A Gazeta).


Li e gostei, então resolvi compartilhar com vocês mais uma história aqui da nossa terra.





Poder em prosa
De volta a Macapá, após mais de 20 anos, o jornalista Bonfim Salgado decidiu voltar aos bancos escolares. Tirou fotografia 3x4, pagou taxa de matrícula para o vestibular, escolheu o curso de engenharia florestal e partiu para as provas. Foi aprovado. Daí, vieram as comemorações e o trote. Muito marafo, tesoura afiada e, assim, foi descendo a rala cabeleira daquele escriba. Veio a aula inaugural e Bonfim, de roupa nova, sentava na primeira fileira. No dia seguinte, já pra valer, adentra à sala o prof.° de cálculo I, encheu o quadro negro de fórmulas e o pobre Bonfim "voando alto". Na sequência veio o prof°. de química e tome mais fórmulas. No terceiro dia de aula, velho jornalista aposentou os cadernos, abandonou a faculdade e foi tomar uma gelada no "Bar Xodó". Entre umas e outras, contava sua história e concluía dizendo: "eu não fui pra faculdade para aprender a fazer bomba atômica, eu queria era ser engenheiro!". Até hoje, não passa na frente do IMMES.

Bonfim Salgado é uma sa pessoas mais inteligentes e humildes que já conheci. Sempre que tenho um tempo, aproveito para bater um bom papo e aprender um pouquinho mais.

NIVER SEM FESTA

O Amapá Clube completou 66 anos de fundação no último dia 22 de fevereiro. Em anos anteriores, a data era motivo de festa, congratulações e homenagens à jogadores, familiares e amantes do bom futebol.

Hoje a realidade é outra: Sem título na era do futebol profissional, sem jogadores, sem diretoria atuante, sem bens, sem... o clube nada fez para marcar a data.

O Amapá Clube não disputou o campeonato de 2009; vendeu parte de seu patrimônio e tem paralisada a obra que seria a construção de um prédio.

A zebra da Presidente Vargas parece correr na contra mão com relação à outros clubes, como o São José, Ypiranga e Macapá, que já tem sede própria, centro de treinamento e estão na ativa mantendo suas tradições e despertando novos apaixonados pelo futebol.

Com a palavra o presidente do clube, Rodolfo Juarez, que não explica e nem justifica a atual situação do alvinegro.
MINHA OPINIÃO:
O Amapá Clube precisa urgente de uma intervenção por parte de seu conselho(se é que existe), é preciso que alguém de "peso" o apadrinhe e dê um rumo ao clube, sob pena de ter um fim como tantos outros aqui do Estado, que acabaram perdendo todo o seu patrimônio, ficando apenas com algumas fotos para recordação.
Ultimamente o Deputado Edinho Duarte, vem mostrando como se administra um clube. O Ypiranga, tem sido exemplo de elevação, volta por cima, força de vontade. A diretoria do clube, tem investido nas categorias de base, no estímulo ao torcedor, buscado patrocinio, prestado contas à torcida e, em breve estará com sua sede administrativa pronta.
O Macapá Clube é outro que tem seguido a boa cartilha de administração e vem mostrando resultado positivos. O CT do clube é um dos patrimônios adquiridos recentemente em área nobre.
Sinto muito pelo Amapá Clube, mas esta é a realidade e alguém precisa fazer alguma coisa.

Seminário discute diversidade sexual


O Conselho Regional de Psicologia realiza hoje, 25, no auditório do Cerest-AP, o seminário Psicologia e diversidade sexual: desafios para uma sociedade de direitos. O evento que começa às 8h30 e termina às 12h – vai discutir a resolução 001/99 que trata das estratégias de enfrentamento a patologização, homofobia e do movimento LGBTTT no Amapá.
Participam das discussões várias instituições como GHATA, Faculdade Seama, representantes da comunidade ligada aos movimentos sociais e estudantes de Psicologia.

LARANJAL DO JARI SEM ENERGIA ELÉTRICA

Informações que chegam do Sul do Estado, Laranjal do Jarí, dão conta que a cidade está há mais de um mês, sofrendo com o racionamento de energia elétrica. O fornecionamento está sendo feito no esquema de rodízio, ou seja, tantas horas para um bairro, tantas para outro.
Até o momento a CEA não se manifestou sobre alguma providência, muito embora já tenha sido informada do problema.

Como diz um jornalista local: Seja forte povo do Jarí.

Iapen nas garras da Justiça


O juiz Normandes Antônio de Sousa concedeu liminar em favor da Ação Civil Pública (ACP) ajuizada pelo Ministério Público Estadual, por meio da Promotoria do Meio Ambiente (Prodemac), contra o Instituto de Administração Penitenciária do Amapá (Iapen).
A ação foi proposta após ser constatado que o presídio não havia cumprido com as determinações objetivando a regularização, melhoria e reforma geral da penitenciária, propostas pelo MP após várias inspeções ocorridas no período de 2005 a 2008.
O Promotor de Justiça Haroldo Franco, um dos titulares da Prodemac, esclareceu que durante as inspeções realizadas pela equipe técnica foi detectado que o esgoto daquela instituição encontrava-se deteriorado e com valas a céu aberto, fossas exalando odores por vários pavilhões, e ainda, como consequência, a proliferação de vetores e outras pragas urbanas, responsáveis pela transmissão de doenças, como leptospirose e dengue.
Haroldo Franco informou também que algumas reformas na instituição foram iniciadas, porém, não finalizadas. "além da não conclusão de obras, não foi apresentado o projeto de saneamento definitivo do local, como foi requerido durantes as inspeções. A ação com pedido de liminar acolhido pelo Juiz, teve como objeto principal a preservação da saúde da coletividade que se encontra sob responsabilidade do Estado e a proteção do meio ambiente", acentua o Promotor de Justiça
A decisão liminar do Juiz Normandes Sousa condenou o Iapen, juntamente com o Estado, a executar os serviços necessários para evitar o lançamento de esgoto a céu aberto, por meio de projeto que atenda a exigências técnicas, com alocação de presos em outros setores até a conclusão das obras.

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

PARÁ ==Theatro da Paz fica fechado por 60 dias

A Secretaria de Estado de Cultura (Secult) decidiu fechar o Theatro da Paz por 60 dias. Nesse período, o Departamento do Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural (Dphac), vinculado à própria secretaria, fará uma avaliação geral das condições estruturais do teatro, para que não se repitam incidentes como o da semana passada, quando uma parte do teto desabou por causa de uma infiltração.

Segundo a assessoria de imprensa da Secult, esse prazo é apenas para a avaliação, mas o maior símbolo da história cultural de Belém pode ficar fechado ao público por ainda mais (ou menos) tempo, dependendo do levantamento feito pelo Dphac e das intervenções que forem necessárias na estrutura do prédio centenário.

Em entrevista concedida ao DIÁRIO após o desabamento, a diretora do Dphac, Leila Barbosa, informou que havia pedido ao secretário Edilson Moura a interrupção em todas as atividades no teatro por tempo indeterminado, até que todas as condições estruturais fossem detalhadamente estudadas. A Secult negou ontem que houvesse um pedido feito há três anos pelo Dphac para a reforma da cobertura do teatro, como afirmou o arquiteto e ex-secretário de Cultura, Paulo Chaves, em matéria pública no último domingo.

A Secult informou que existe “um projeto de reparos na cobertura do Theatro da Paz, protocolado na Secult pelo Patrimônio em março de 2009, que continuou em andamento, sendo que a secretaria contratou técnico especializado, no caso um engenheiro de estruturas, que fez a avaliação da estrutura, ainda em 2009, constando na fase inicial dos reparos”.

Além de enumerar os investimentos da Secult nos últimos quatro anos, a nota reafirma ainda que a secretaria realiza mensalmente a manutenção do teatro, com descupinização do local e troca de lâmpadas e cadeiras defeituosas, como já havia afirmado o secretário Edilson Moura em entrevistas passadas

Com informações do Diário do Pará

ESSE É O CARA !

O professor e jornalista amapaense, Jackson Barbosa, o Jack, foi aprovado no disputado doutorado de comunicação da USP, na capital paulista.
Professor Jack, como é conhecido em nosso meio, também foi contratado pela conceituada Universidade Mackenzie, como professor da área de Comunicação.
Jack, nasceu no Mazagão estudou em colégio público, em Macapá e depois foi para Belém para cursar Comunicação Social na UFPa. Trabalhou como repórter da TV Liberal (Globo), TV Cultura do Pará e em jornais de grande conceito no Estado Paraense. Entre idas e vindas à Macapá, foi professor da Faculdade Seama por três vezes.
Na ultima, em 2008, tive a honra de tê-lo como professor de Teorias da Comunicação II, redação jornalística e participei da elaboração de um TCC orientado pelo nobre professor.

Jack veio matar a saudade do "açaí do grosso" com farinha d'agua, durante o carnaval e aproveitou para desfilar pela Maracatu da Favela, sua escola de coração.

Valeu Jack, parabéns!

terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

Papaléo Paes critica redução de recursos para a saúde

O senador Papaléo Paes (PSDB-AP) criticou em Plenário, nesta segunda-feira (22), a redução, no Orçamento de 2010, dos recursos destinados à área da saúde. Ele assinalou que no ano passado foram destinados ao setor R$ 62,78 bilhões, contra R$ 62,47 neste ano.
-O governo federal gasta milhões e milhões de reais em propaganda para dizer que é o grande defensor dos pobres. No entanto, oferece-lhes péssimos serviços de saúde e atendimento de baixa qualidade, o que contribui para aumentar as desigualdades no Brasil, pois sem saúde não há possibilidade de melhoria social ou de melhoria educacional- protestou o parlamentar.
Papaléo Paes culpou o governo federal pela falta de planejamento estratégico de longo prazo para a saúde pública, sujeitando a população pobre a um atendimento de qualidade ruim, com falta de medicamentos e de material de uso rotineiro nos hospitais.
O senador lembrou que o governo tem conseguido aprovar matérias de seu interesse no Congresso e lamentou que, até agora, não tenha demonstrado nenhuma preocupação em regulamentar a Emenda Constitucional 29/2000 , que garantiria mais recursos para a saúde.
Papaléo Paes exemplificou a situação caótica da saúde pública com o caso recente da morte de um cidadão no Distrito Federal que, tendo sobrevivido à queda de cinco andares de um prédio, morreu por não ter sido submetido a exames complementares que pudessem ter diagnosticado ruptura de baço e pulmão. Ele disse que, se autoridades com problemas de saúde tivessem que se submeter a atendimento em hospitais públicos, certamente já teriam tomado as providências necessárias para a melhoria do atendimento.
-As vidas de milhões de brasileiros estão em perigo, principalmente aqueles das regiões mais pobres, por falta de atendimento médico adequado - disse Papaléo.
O parlamentar citou pesquisa feita pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) segundo a qual enquanto as famílias brasileiras gastaram 8,4% do Produto Interno Bruto (PIB) com saúde em 2007, os gastos governamentais foram de 3,5% da riqueza nacional naquele ano.
Em aparte, o senador Mão Santa (PSC-PI) que, assim como Papaléo Paes também é médico, criticou o aparelhamento da máquina pública governamental. Ele assinalou que os salários dos cargos de direção e assessoramento superior (DAS) no Executivo federal tiveram aumento de R$ 10.248 mil para R$ 11.179, enquanto doenças como dengue e malária, consideradas "doenças da pobreza", continuam matando os brasileiros.

Da Redação / Agência Senado

Camilo Capiberibe requer a Waldez afastamento do secretário Adauto Bitencourt da Seed


Por Eduardo Neves

O deputado estadual Camilo Capiberibe (PSB/AP) deu entrada nesta segunda-feira, 22, com requerimento na Assembleia Legislativa pedindo o afastamento do atual secretário da educação, Adauto Bitencourt. O requerimento foi proposto em face das duas denúncias de improbidade administrativa protocoladas pelo Ministério Público do Amapá (MPE/AP), na última sexta-feira, 19, que envolvem possíveis desvios de R$200 milhões de reais da SEED.
O documento, que será votado pelos deputados até quarta-feira, 24, pede ao governador do Amapá, Waldez Góes (PDT/AP), através de ofício, o imediato afastamento do secretário. “Uma vez que o próprio Ministério Público, através de Ação Civil Pública, pede o afastamento do secretário Adauto Bitencourt, a fim de não atrapalhar o aprofundamento das investigações”, esclarece Camilo.
Ao apresentar o requerimento, o parlamentar socialista cobrou o compromisso dos deputados na aprovação do requerimento e a imediata resposta do governador para o caso. “Se o governador Waldez, não afastar o secretário Adauto Bitencourt, ele estará sendo conivente com esse esquema de corrupção na SEED”, cobra o deputado.

TERRA SEM LEI

Moradores do Loteamento Açaí estão apelando às autoridades e principalmente ao prefeito Roberto Góes. para que a prefeitura de Macapá faça manutenção e asfaltamento nas ruas e na única avenida do local.
O loteamento que antes, pertencia à Hidros empreendimentos, foi literalmente abandonado pela empresa e hoje, está sem administração pública ou particular.
No ano passado, inúmeros assaltos à residências e até latrocínios foram registrados no loteamento.
Os moradores já fizeram inúmeros pedidos às autoridades, através da Imprensa, mas até o momento os sistemas de segurança pública, Governo e Prefeitura nada fizeram pelo local.
No ano passado a PMM expediu boletos do IPTU, porém com endereço de Infraero II. Quando indagado, o secretário de finanças da Prefeitura informou que não existe o bairro Açaí no mapa da cidade. Em suma: Os moradores do loteamento Açaí estão morando numa verdadeira terra de ninguém.

LIVRO PARA AJUDAR A ENTENDER O CLIMA

A Embrapa Amapá lança hoje, no auditório do Museu Sacaca, o livro “Tempo, clima e recursos hídricos”, contendo resultados do projeto Remetap. O livro traz em 11 capítulos os resultados mais expressivos das pesquisas objetivando gerar serviços e produtos relacionados à previsão do tempo, clima e recursos hídricos de interesse de vários setores da sociedade.

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

Rádio e TV Amapá são homenageados pela Secretaria da Mulher

Para comemorar seis anos de criação da Secretaria da Mulher, lideranças femininas em parceria com a SEPM promoveram no sábado, um encontro com a imprensa e demais órgãos no Macapá Hotel. Além dos jornalistas, participaram também do almoço a equipe da rede de atendimento à mulher, associações, Tribunal de Justiça, Ministério Público e outros.
Para a presidente do Conselho Estadual dos Direitos da Mulher, Delma Shibink o apoio da imprensa às bandeiras de luta dos movimentos feministas já proporcionou projetos importantes voltado para a política da mulher.
De acordo com a secretária da Secretaria da Mulher, Ester de Paula, o papel da imprensa foi e é fundamental para o fortalecimento, construção e desenvolvimento das políticas para as mulheres.
“Nada mais justo do que homenagear a imprensa do Amapá, que muito contribuiu e ajudou no crescimento e na trajetória da criação da secretaria da mulher. A imprensa participou, informou e divulgou, ou seja cumpriu com seu papel social”, comentou.
A Rádio e TV Amapá foram homenageados e receberam prêmios, pela contribuição prestada na divulgação dos trabalhos sociais, desenvolvidos através da SEPM, em seus telejornais e na grade de jornalismo da Rádio Amapá FM.
O jornalista Clay Sam e a locutora Bel Nascimento, representaram a Rádio Amapá FM e também foram homenageados recebendo um prêmio.

Encerra hoje o prazo para as inscrições do concurso da Embrapa

A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) prorrogou o prazo de inscrições do concurso que oferece 697 oportunidades. Os candidatos têm até às 23h59 de hoje, dia 22 de fevereiro (segunda-feira) para se inscreverem pelo site www.institutocetro.org.br.

O edital prevê oportunidades para profissionais com diferentes níveis de escolaridade. Há vagas para pesquisadores, analistas e assistentes, que atuarão em quase todos os estados do País, incluindo o Amapá. Atualmente a Embrapa Amapá tem autorização da sede da empresa para contratar 11 Pesquisadores e três Analistas, sendo este último cargo para atuar nas
áreas de impacto das tecnologias geradas pela Embrapa, negócios tecnológicos e agricultura familiar.

As inscrições podem ser realizadas pela internet e via presencial nas agências autorizadas dos Correios até segunda-feira (22/2). Em Macapá, a inscrição presencial é feita na agência dos Correios localizada na Avenida Coriolano Jucá, 125, em frente à Praça do Barão do Rio Branco, no centro da cidade. O candidato optará no formulário de inscrição pela região,
cargo, área de atuação e subárea que pretende trabalhar e também a cidade onde pretende fazer a prova.

Todos os inscritos passarão por avaliações objetivas. Haverá também, para alguns cargos, provas discursivas, provas de inglês e espanhol (tradução e versão), prova oral, avaliação de títulos e exame prático. A primeira etapa do concurso deve ser aplicada no dia 21 de março de 2010, em diversos estados brasileiros.

A data da prova oral está marcada para os dias 8 e 9 de maio. Além disso, os documentos relativos aos títulos deverão ser entregues no período de inscrições, via Sedex ou Aviso de Recebimento (AR), ao Instituto Cetro, aos cuidados do Departamento de Planejamento de Concursos/ REF. Embrapa - títulos, que fica na Av. Paulista, 2001, 13º andar, CEP 01311-300, Cerqueira César, São Paulo.

A taxa de inscrição para Pesquisador A é de R$ 110,00; Pesquisador B e Analista A, R$ 100,00; Analista B, R$ 90,00; Assistente A, R$ 60,00 e Assistentes B e C, R$ 30,00.

Mais informações aos candidatos:
SAC do CETRO: (11) 3146-2777
www.institutocetro.org.br ou www.cetroconcursos
Colaboração: Dulcivânia - Embrapa-AP

Universidade da Maturidade divulga HOJE resultado do seu primeiro vestibular

Sai nesta segunda-feira o resultado do primeiro vestibular da Universidade da Maturidade, instituição criada pela Universidade Federal do Amapá (Unifap) com recursos de emenda individual do deputado federal Sebastião Bala Rocha (PDT-AP), que destinou seiscentos mil reais para o projeto.
O vestibular foi realizado na última quinta-feira. No total, 174 pessoas com mais de 60 anos disputam 80 vagas que podem chegar a cem. O curso será de 18 meses. Haverá vestibular para novas vagas todos os anos.
Os idosos também participarão de torneios de jogos adaptados, palestras em escolas públicas e privadas sobre envelhecer ativamente e festas de confraternização, permitindo sociabilização e aumento da capacidade de desapego, egoísmo e controle, que são características que se não forem descobertas e trabalhadas favorecem um envelhecimento alegre e participativo.
População crescente – O número de idosos vem crescendo cada vez mais no mundo e, no Brasil, em quatro décadas o número de idosos praticamente duplicou, podendo ser observado por meio de estatísticas. No Amapá, não é diferente. Para o deputado federal Sebastião Bala Rocha, que viabilizou a implantação da Universidade da Maturidade (Umap) em Macapá, no momento atual vê-se crescer a população idosa e junto com ela o aumento de múltiplas exigências e necessidades para garantir uma vida plena a estas pessoas. “O abalo do envelhecer emerge com uma força ainda desconhecida por aqueles que a vivenciam, de sujeitos que tornam visível à possibilidade de modificação da velhice, tirando rótulos e contestando os mitos”, pontua o parlamentar.

BOM DIA - MAIS UMA SEMANA

QUE ESTA SEMANA SEJA MARAVILHOSA, CHEIA DE MUITAS REALIZAÇÕES E MUITA PAZ NOS NOSSOS CORAÇÕES.

SAUDE E PAZ.

sábado, 20 de fevereiro de 2010

CLUBE DO REMO== Baenão já está praticamente vendido

A cada voto “sim” os presentes vibravam. Mas ainda não terminou.Por meio de votos nominais, integrantes do Conselho Deliberativo do Remo, praticamente, aprovaram o início da negociação de venda do Estádio Evandro Almeida, o Baenão. Dessa forma, tudo leva a crer que será confirmado o processo de permuta da área mais valiosa do Leão às construtoras Agra Incorporadora e Leal Moreira.

Aliás, a vitória parcial à parcela favorável ao projeto foi estrondosa: 73 a 2. Entre os ‘sim’, figuras de renome como Sérgio Cabeça, Ronaldo Passarinho, Orlando Ruffeil e Max Fernandes. Por enquanto, apenas o ex-presidente Licínio Carvalho e o conselheiro Israel Vasconcelos discordaram.

“A votação segue aberta até terça-feira. A folha de votação estará na secretaria do clube. Para chegarmos a votação permitida, faltam 23 votos favoráveis”, declarou Felício Araújo Ponte, presidente do Condel.

Antes de consumado o processo, como de praxe, muita discussão. A cerimônia teve início por volta das 20h20 com cerca de 100 membros do Conselho Deliberativo. Hamilton Guedes, presidente da comissão criada para analisar a viabilidade da proposta, leu o relatório e, no final, disse que a comissão avaliou como viáveis o projeto e a proposta das construtoras. “Autorizamos a negociação o quanto antes, sob pena de leilão dos nossos bens, como aconteceu em Benfica”, leu Guedes. Assim que a explanação foi concluída, deu-se início uma discussão.

O advogado e benemérito Djalma Chaves deu a sua versão, discordando da opinião que ronda dando conta de que o Clube do Remo acabaria com as suas dívidas trabalhistas mediante a negociação. “Com R$8 milhões pagos em 23 meses, não resolveríamos a situação”. O conselheiro Antônio Almeida discordou de parte do discurso e chegou a chamá-lo de palhaço. O presidente Amaro Klautau também ‘pediu a palavra’ e explicou detalhes do procedimento da transação.

Pará deve ganhar mais vagas de deputados federais

Nas eleições deste ano, o Pará poderá aumentar o número de representantes na Câmara dos Deputados. O Estado, que tem hoje 17 deputados federais, poderá passar, já a partir de 2011, para 20, ganhando três novas vagas. É o que prevê uma minuta de resolução divulgada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que define o número de vagas de deputados federais e de integrantes das assembleias legislativas, com base na população dos estados.

Se for aprovada pelo plenário do TSE, a resolução provocará mudanças na maioria dos estados com aumento ou diminuição de vagas. O número de deputados federais permanecerá o mesmo, com 513 parlamentares. O que muda é a quantidade de representantes de cada Estado. O Pará é o Estado que mais ganha vagas. Minas Gerais vem em seguida, com aumento de duas cadeiras em sua bancada. Já Amazonas, Rio Grande do Norte, Ceará, Bahia e Santa Catarina ganham um deputado cada um.

Permanecem inalteradas as representações de São Paulo, Espírito Santo, Alagoas, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Distrito Federal, Sergipe, Rondônia, Tocantins, Acre, Amapá e Roraima, permanecendo em oito o número de deputados nos estados com menor população. São Paulo continua a ser o Estado com o maior número de deputados federais (70). Pela minuta, o Rio de Janeiro e a Paraíba perderão duas vagas de deputados federais cada um na próxima legislatura. Paraná, Rio Grande do Sul, Maranhão, Goiás, Pernambuco e Piauí perdem uma cadeira na Câmara Federal.

A minuta será discutida no próximo dia 24 de fevereiro, em audiência pública no TSE, onde será avaliada também a proposta do voto em trânsito para presidente da República nas eleições de outubro.

As alterações no número de deputados federais por estado cumprem a Constituição Federal (artigo 45, parágrafo 1.º) e a Lei Complementar 78/93, que disciplinam que a quantidade de deputados federais deve ser proporcional à população dos estados e do Distrito Federal.

A Constituição determina ainda que se façam os ajustes necessários, no ano anterior às eleições, para que nenhum Estado tenha menos de oito ou mais de setenta deputados federais.

MOBILIZAÇÃO

Se por um lado os Estados que perdem em número de representatividade prometem se mobilizar pela manutenção do número de deputados, por outro os que ganham, como o Pará, comemoram a conquista. “É uma medida necessária e urgente. O Pará que tem maior número de habitantes e de eleitores tem somente 17 deputados federais.

Já o vizinho Maranhão, que tem comprovadamente um menor número de habitantes tem 18 deputados federais em sua bancada. A representatividade de nosso estado está desatualizada e a medida chega em boa hora”, comemora o deputado Nilson Pinto (PSDB-PA).

Para a deputada Elcione Barbalho (PMDB-PA), a medida vem cumprir o que está previsto na Constituição. “É hora de nosso Estado ter sua representatividade proporcional ao número de habitantes. O Pará é um Estado gigante, com dimensões continentais e requer um número de representantes na Câmara Federal proporcional ao seu tamanho”.

Baseado na lei, a Assembleia Legislativa do Amazonas solicitou ao TSE a redefinição do número de deputados federais nas eleições deste ano. O pedido foi acatado e o TSE tomou como base a estimativa populacional do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), atualizada em 1º de julho de 2009.

EFEITO CASCATA

A alteração do número de cadeiras da Câmara Federal provoca efeito cascata nas assembleias legislativas e na Câmara Legislativa do Distrito Federal, onde o número de cadeiras é definido a partir do número de deputados federais. Estados com até 12 deputados federais podem ter o triplo de deputados estaduais. Acima desse número, cada deputado federal equivale a um estadual. Se a resolução for aprovada, o Pará, que tem 41 deputados estaduais, passará a ter 44 parlamentares.

A última mudança na representação de um Estado na Câmara dos Deputados ocorreu em 1994, com o aumento da bancada de São Paulo para 70 parlamentares. O relator das instruções das Eleições 2010, ministro Arnaldo Versiani disse que antes de apresentar as minutas de resolução ao plenário do TSE, vai debater os textos com representantes dos partidos políticos, Ministério Público, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e demais interessados no assunto.
Com informações do Diário do Pará

AÇÃO DO SuperFácil NA ZONA NORTE

O programa itinerante “ Governo e Você” vai levar os serviços oferecidos pelo Superfácil as comunidades. A ação vai acontecer simultaneamente no bairro São José, na zona norte de Macapá e em Santana, no bairro Mutirão do Paraíso. A população vai ter orientação jurídica, através da Defenap, emissão da carteira do Sus, primeira via da carteira de identidade, passe livre para idosos e deficientes e carteira de trabalho. O Atendimento vai acontecer das oito da manhã ao meio dia. A previsão é atender cerca de duas mil pessoas. A abertura da ação vai acontecer no templo da Assembleia de Deus, localizada na Rua Nossa Senhora da Aparecida.( atrás da Eletronorte, próximo a Eldorado)

Projeto Boleiro abre inscrições para atividades de 2010

A coordenação do Projeto Boleiro informa que está aberto o período para matrícula e rematrícula de alunos. Serão disponibilizadas 210 vagas, sendo metade delas para o turno da manhã e a outra metade para o turno da tarde, distribuídas entre as modalidades de Futebol, Natação, Karatê e Judô.
Este ano, as atividades do Boleiro passam a ser realizadas durante a semana, às segundas, quartas e sextas-feiras. Além da prática de esportes, são oferecidas atividades recreativas e educativas às crianças e adolescentes acolhidos pelo projeto.
As inscrições podem ser realizadas no horário de 8 às 12h e de 14 às 17h, conforme os locais e datas a seguir:
Nesta quinta e sexta-feira (18 e 19 de fevereiro), na Escola Municipal Marinete da Silva Mira, localizada na Rua Inspetor Antonio de Oliveira, bairro Zerão.
Na semana que vem, de segunda à sexta-feira (22 a 26 de fevereiro), na 12ª Avenida do Bairro Congós, no 1394, próximo à Igreja Maria Mãe da Igreja.
Na primeira semana de março (de 01 a 05), na sede da ASSEGUP, situada na Rodovia JK, Km 5.

No ato de matrícula os alunos deverão apresentar:
1 pasta classificador de plástico;
2 fotos 3X4;
Declaração da escola na qual o aluno está matriculado;
Cópia do comprovante de residência (conta de água, luz ou telefone);
Cópia da certidão de nascimento.

Adauto Bitencourt é denunciado por Improbidade administrativa


O Ministério Público do Estado do Amapá (MPE/AP), através da Promotoria de Investigação Civil e Criminal (PICC), divulgou na manhã desta sexta-feira, 19, relatório da investigação que envolve a atual gestão da secretaria de Estado da Educação (SEED), cujo prejuízo ultrapassa R$200 milhões de reais.
As denúncias foram feitas após nove meses de investigações, depois que a Comissão de Educação da Assembleia Legislativa do Amapá e o Partido Socialista e Liberdade (PSOL/AP), ingressarem com duas representações no MPE, datado do dia 8 de maio de 2009, pedindo apuração do caso.
Nesta sexta-feira, o promotor titular da PICC, promotor Edér Abreu, protocolou a denúncia contra os envolvidos nas fraudes e entregou ao Procurador Geral de Justiça, procurador Iaci Pelaes, relatório com elementos para que uma denúncia na esfera criminal seja proposta em face dos mesmos acusados. O esquema denunciado aconteceria nas licitações para contrato de empresas de vigilâncias armada e desarmada pela SEED, no período de 2003 a 2009.
Num dos casos apurado pelo MPE, no mês de novembro de 2007, foi aberto processo licitatório para a contratação de uma empresa de segurança, através de contrato emergencial. Ocorre que, sempre o beneficiado nestes contratos emergenciais era a empresa SERPOL, que tem como sócio Carlos Humberto Montenegro, que segundo informações detinha estrita relação de amizade com o secretário de educação, Adauto Bittencourt.
De acordo com investigações do MPE, Montenegro pagava propina para o secretário Adauto Bitencourt, em troca de continuar fornecendo os serviços de vigilância da empresa SERPOL. “Há indícios de que esta propina girava em torno de aproximadamente R$100 mil reais por mês” disse o promotor durante a coletiva.
Todo o esquema era repassado ao conhecimento do secretário Adauto, através do assessor jurídico Jean Brazão, tido como informante. Num dos processos licitatórios a menor proposta foi da empresa LMS Vigilância. “Tendo o referido secretário dito que a empresa não poderia ganhar o certame, pois se isso ocorresse, o citado informante perderia o cargo de assessor e sua esposa, detentora de cargo comissionado. Fato esse que efetivamente sucedeu”, como consta do depoimento prestado por Jean Brazão e tornado público na época do escândalo em 2009.
Diante do ocorrido, o diretor da empresa LMS, Luciano Marba Silva, gravou um DVD, em diálogo com o informante Jean Brazão, onde confessa todo o esquema de fraude nos processos licitatórios da secretaria de educação. Em face de Jean Brazão, ter colaborado com as investigações, o Ministério Público solicitou o beneficio da delação premiada.
FILTROS – Outra irregularidade, encontrada nas investigações, é a respeito da aquisição e instalação de 200 filtros de purificação denominada Projeto Piloto do Sistema de Tratamento de Água nas Escolas Públicas, no valor de R$200 mil reais mensais e R$840 mil reais anuais, sem procedimento licitatório. Sem qualquer estudo técnico, colocando em perigo a saúde de milhares de alunos.
Porém, a contratação da empresa Top Line Purificações, causou estranheza ao MPE, por se tratar de empresa representada pelo investigado, Roberto Luz Amaral da Rocha, que trabalhou cinco meses na SEED, como presidente da Comissão Permanente de Licitação (CPL).
“Os endereços da empresa Top Line Purificações não correspondem aos indicados nos documentos encaminhados pela Junta Comercial do Estado do Pará. Pois, nos endereços encontram-se um estabelecimento voltado para área de designer e no outro o Denit”, disse o promotor, Éder Abreu durante a entrevista coletiva.
Os promotores denunciaram formalmente à justiça estadual o Secretário de Educação Adauto Bittencourt, a chefe de gabinete da SEED Albertina Guedes, o empresário Carlos Humberto Pereira Montenegro, proprietário da empresa Serpol, o empresário Alexandre Gomes de Albuquerque, proprietário da empresa Amapá VIP, entre outras pessoas.
Por haver o envolvimento do secretário de educação, Adauto Bittencourt, tido como o “chefe do esquema”, e o mesmo ter foro privilegiado, o relatório da PICC, foi entregue a procuradoria geral de justiça, que terá prazo de 15 dias para ofertar a denúncia criminal no Tribunal de Justiça do Amapá. Os investigados poderão responder por formação de quadrilha, corrupção ativa, fraude a licitações, improbidade administrativa e tráfico de influência.
Colaboração: Eduardo Neves-Jornalista

SALVE SALVE !!!!!

BOM FINAL DE SEMANA E CURTA BASTANTE, COM RESPONSABILIDADE E MUITO OTIMISMO.

BOA SORTE

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

Ministério Público ofertou denúncia contra secretário de educação do Estado

Na manhã de hoje, o Ministério Público Estadual, depois de investigação feita pela PICC (Promotoria de Investigações Criminais) ofertou denúncia contra o secretário de Educação Adauto Bittencout por desvio de dinheiro da Secretaria Estadual de Educação - SEED - a denúncia inicial do desvio de R$ 200 milhões partiu do deputado Moisés Souza(PSC), que é presidente da Comissão de Educação da Assembléia Legislativa e do deputado Camilo Capiberibe(PSB) e demais membros da Comissão de Educação.

Na Procuradoria de Justiça do MPE, o promotor Eder Abreu que conduziu as investigações apresentou a peça que será protocolada no tribunal de justiça. Segundo informações do promotor Eder Abreu, que preside a equipe de promotores, a denúncia tem a ver com improbidade administrativa, formação de quadrilha entre outros crimes.

O pacote de denuncias é resultado de mais de 8 meses de investigações, no Estado do Amapá e também no Pará.

A promotoria tem 15 dias para análise e posterior divulgação da sentença, e, conforme o andamento do processo, pode pedir a prisão do líder da suposta quadrilha, o secretário de educação do Estado.

Mega Sena acumulada poderá pagar R$ 52 milhões

Acumulada há nove concursos, a Mega Sena pode pagar o prêmio de R$ 52 milhões amanhã, sábado, 20. Se houver ganhador na faixa principal (seis dezenas), ele levará o sétimo maior prêmio da história da Mega Sena.
Com o valor, seria possível comprar cerca de 2.100 carros populares ou 10,4 mil motos 125cc. Se aplicado em imóveis, daria para comprar um condomínio inteiro, com cinco prédios de 13 andares e 4 apartamentos por andar, com valor médio de R$ 200 mil.
Mas se o ganhador quiser mesmo é ficar sossegado, investindo em poupança e vivendo apenas dos rendimentos, receberia mensalmente cerca de R$ 260 mil.
As apostas na Mega-Sena podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) de sábado (20). O valor mínimo de aposta é de R$ 2,00 com seis dezenas no volante.

Com colaboração do Diário do Pará-Belém

As águas vão rolar

A atitude do Procurador do municipio e presidente da escola de samba Boêmios do Laguinho, pode trazer sérios problemas no campo politico. É que com as declarações feitas, durante o sangue quente, acabaram por deixar escapar que "existe uma espécie de (grande grupo) comandanda por politicos, que manipulam há vários anos o resultado do carnaval".
Com esta declaração impensável, o procurador acabou acusando e botando a boca no trombone, mas não deu nome aos bois. Deve saber, no entanto, que quando se acusa e não se tem provas, você está passível de ser penalizado. No caso do presidente, isto pode lhe causar uma queda de prestígio, o emprego no governo municipal e o fim do sonho de ser deputado estadual nas eleições deste ano.
Por outro lado, se nomearmos os politicos que apóiam as agremiações carnavalescas, vamos encontrar o próprio prefeito e um deputado, que apóia Jardim Felicidade e o governador que apóia o Piratas da batucada, dentre muitos e muitos...
Outra pergunta que não quer calar: E se a apuração for terminada, como "mandou" o prefeito Roberto Góes, que assim o façam, e por ventura a Boêmios seja a campeã. Como vai ficar a imagem do "nervoso" presidente???
Quando perguntado por este jornalista ao Prefeito, se ele já havia conversado com o procurador sobre o episódio da quarta feira? O prefeito disse que temos que separar uma coisa da outra. Ora! é impossivel eu sair de manhã de casa como jornalista e quando chegar ao açougue, por exemplo, dizer que ali eu sou um jogador de futebol. Não se pode separar o cargo, principalmente público, da pessoa que a ocupa. O ex prefeito, quando ia até o bar para assistir há uma partida de futebol, não era um cidadão comum. Era o prefeito; O médico quando vai ao campo de futebol, ele não deixa de ser médico, o presidente Lula quando vai ao Pacaembu ver o seu time jogar, ele não deixa de ser o presidente e assim sucessivamente.

Vamos aguardar as próximas cenas dessa novela chamada Carnaval do Amapá.

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

EXTRA !!! EXTRA!!!!!! - MACAPÁ ESTÁ NA MIDIA NACIONAL



SAIU AGORA A POUCO NO site da globo.com


MAIS UMA VEZ SOMOS NOTÍCIA NACIONAL, DE CUNHO NEGATIVO.








18/02/2010 - 12h01 - Atualizado em 18/02/2010 - 12h04
Após confusão, todas as escolas de Macapá são declaradas campeãs

Presidente de agremiação pediu assembleia durante apuração ao suspeitar de fraude.
Liga deve pedir ao Ministério Público que investigue o caso.
Do G1, em São Paulo


Depois de uma confusão durante a apuração do carnaval de Macapá, na quarta-feira (17), o conselho das escolas de samba da cidade declarou todas as agremiações campeãs do carnaval 2010. Dez escolas disputavam o título.

De acordo com Maria José Silva, a Marjo, presidente da Liga das Escolas de Samba do Amapá, o presidente de uma das escolas pediu a abertura de uma assembleia extraordinária, durante a apuração, por suspeitar que houve fraude na atribuição das notas. Na assembleia, o conselho – que conta com representantes de cada uma das escolas competidoras – votou que todas as agremiações fossem declaradas campeãs.

“O conselho é soberano e cada escola tem direito a um voto. Oito escolas votaram para que todas fossem declaradas campeãs, então foi isso o que aconteceu”, diz Marjo ao G1. A Liga deve encaminhar ao Ministério Público um pedido de investigação da suspeita de fraude. O MP também deve determinar se mantém a decisão do conselho ou se pede a continuidade da apuração com a abertura dos envelopes dos jurados.

Segundo Marjo, faltavam ainda ser apurados dois quesitos. “Se a Justiça entender que a decisão é única e exclusivamente do conselho, todas as escolas continuarão sendo campeãs. Caso a Justiça considere que os votos dos jurados devam ser levados em conta, vamos terminar a apuração e dar a vitória para a escola com as melhores notas”, afirma.

OLHA OS REPASSES AÍ GENTE !!!

Vou levantar a partir de hoje, anotem aí, uma discussão, inclusive provocando a mediação do Ministério Público, acerca dos recursos que o poder público repassa anualmente para futebol, carnaval e quadra junina. As entidades que recebem estes recursos, em sua maioria, não prestam contas, ficam inadimplentes e o repasse seguinte sai em nome de outras entidades, transformando estes atos em um “empurra empurra”. Atualmente Liga das Escolas de Samba e Amcap estão nessa lista, mas os repases continuam.
Neste ano, pelo menos mais três entidades foram criadas, na Zona Norte, que movimentou cerca de 33 mil reais e outra na Zona Sul, com movimentação de valor semelhante. Notadamente ano que vem, vão querer “grana” do Governo. Somente uma entidade recebeu 77 mil reais, para ser gato em uma noite(evento) com 6 atrações e cachês que não passavam de 1 mil reais para cada artista.

Enquanto isso falta remédio, falta vaga nas escolas, falta pagamento do caixa escolar, falta curso de comunicação social na Ueap e o passe livre não é autorizado.

Anotem a data!

PALHAÇADA NO CARNAVAL

O fato ocorrido ontem, durante a apuração do Carnaval de Macapá, só vem confirmar o que tenho dito há muito tempo: O carnaval amapaense ainda está muito distante de um profissionalismo. Na Liga, entidade que representa as escolas de samba, falta administração, conselheiros competentes, técnicos da área e até segurança. Enquanto acompanhava a “bagunça” no sambódromo de Macapá, também estava acompanhando a apuração do Rio de Janeiro. Outra vez é exposto “o Luxo e Lixo” do Carnaval, por sinal já escrevia esta semana sobre esta comparação.
É claro que no carnaval macapaense existem muitas pessoas engajadas, responsáveis e intimamente ligadas as suas agremiações, mas também existem oportunistas, que estão ali para “galgar” cargos políticos, minuto de fama e pura especulação financeira. Situação protagonizada por alguns diretores e torcedores da Escola Boêmios do Laguinho, que em certo momento pareciam que eram “donos do carnaval”. Era diretor dando “soco” pra cá e pra “lá”, soltando palavrões impublicáveis.
Por um momento, o carnaval amapaense deixou de ser sinônimo de alegria e passou a ser uma “batalha campal”.

A VERDADE

A grande verdade é que Governo, Prefeitura e empresas precisam repensar no que tange a patrocinio do Carnaval do Amapá. São milhões de reais que foram investidos em uma área que não traz retorno social ou econômico.
A liga está inadimplente e precisa que os repasses públicos sejam feitos através de outras agremiações carnavalesca. Motivo de “irresponsabilidade” por parte do governo, pois conforme a lei: “Não é devido fazer convênio com entidades que estejam em situação irregular” , ou você acha que vou abrir um crediário em uma loja se eu estiver com o nome no SPC??.
Por outro lado, o Presidente Egidio, da Maracatu da Favela, bravou nos microfones da Amapá FM, que tudo aquilo era resultado de inúmeras reuniões feitas às portas fechadas, entre a diretoria da liga e “certos” presidentes de escolas.


O DESFECHO

No carnaval de Macapá todo mundo é campeão!


Minha opinião:
Os carnalescos, liga, "pai trocinadores", caciques e metidos a saber de tudo, devem procurar fazer um "work shop" com os meninos de Parintins, Santarém, Óbidos, Itacoatiara e Manacapurú. Ali a turma da Cultura sabe transformar festa popular em geração de renda e beneficio social.
Aprendam, nunca será tarde demais.

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010

MINHA MANGUEIRA !!!




ME LEVA QUE EU VOU,
SONHO MEU
ATRÁS DA VERDE ROSA
SÓ NÃO VAI QUEM JÁ MORREU
"Vai minha inspiração, num doce balanço
à caminho do mar"
"Meu coração é verde e rosa,
descendo o morro eu vou
a música, alegria do povo
Chegou a Mangueira, chegou"
e ela veio linda!!
como sempre.

Rubro-Negro não perde para o "Foguinho" há dez jogos

Quarta-feira de Cinzas, dia de conhecer a escola de samba campeã do Carnaval carioca e de definir o outro finalista da Taça Guanabara, o primeiro turno do Campeonato Carioca – o Vasco já confirmou presença na decisão do próximo domingo. Como num desfile, Flamengo e Botafogo têm de estar afinados no conjunto e na evolução para não tropeçar nas próprias pernas.Tudo já foi ensaiado direitinho nos treinamentos. O que as duas torcidas mais querem, agora, é prolongar a folia, festejando a vitória de seu time no clássico que começa às 21h50, no Maracanã.
A do Botafogo não esconde o desejo de vingança, pois o clube perdeu os últimos três títulos estaduais para a equipe da Gávea“Todos cobram que o Botafogo supere o Flamengo e sei que não podemos perder”, disse o goleiro Jefferson, incomodado com o tabu de dez jogos sem o time alvinegro derrotar o rival – a última vitória nesse duelo foi em 13 de abril de 2008. “Não podemos dizer que é mais um jogo. É uma prova de fogo”, emendou o camisa 1.Os dois clubes se enfrentam com preocupações distintas.
O time alvinegro teme a força ofensiva do Flamengo, sobretudo pela qualidade dos atacantes Vágner Love e Adriano. Já do lado rubro-negro, por mais que exista um discurso de respeito ao Botafogo, a principal apreensão é sobre os efeitos do Carnaval nos principais jogadores.Alguns deles, entre os quais Vágner Love, ficaram até altas horas nos camarotes do Sambódromo para acompanhar os desfiles das escolas de samba, às vésperas do clássico.
A presidente Patrícia Amorim chegou a criticar isso e disse que vai cobrar mais profissionalismo em caso de derrota.Elenco por elenco, o do Flamengo, atual campeão brasileiro, é mais qualificado. No entanto, favoritismo no futebol, ainda mais num jogo decisivo, é meramente ilustrativo. Num clássico como esse, ressalta o técnico Andrade, tudo pode acontecer. “Desde a chegada do Joel, o time do Botafogo melhorou, basta ver os resultados com ele”, destacou.Experiente, Joel Santana está usando o favoritismo atribuído ao Flamengo a seu favor. Ele vem dizendo aos jogadores que vencer a equipe rubro-negra, além de ser uma incontestável demonstração de força, vai apagar os últimos vexames do Botafogo, como a derrota para o São Raimundo, na estreia da Copa do Brasil, e a goleada sofrida para o Vasco por 6 a 0.
Com informações do Diário do Pará

O CARNAVAL CONTINUA

Quem estiver a fim de esticar um pouco mais a temporada carnavalesca, hoje, quarta feira, ainda tem várias programações na capital do meio do mundo.
Escolha seu endereço e divirta-se:


Afoxé do Formigueiro

Concentração ás 06:00h, na Av: Mendonça Furtado, atrás da antiga catedral de São José - Centro (Formigueiro).

Caldeirão do Pavão

A partir das 10:00h na Av: Nações Unidas, na Residência da Senhora Vadóca, entre as Ruas Leopoldo Machado e Jovino Dinoá - Laguinho.


Gaviões da BR
Das 17:00h ás 22:00h no Bairro Boné Azul.

O LUXO E O LIXO

Esta é a comparação que faço com relação a qualidade de transmissão de uma emissora de TV local e a TV Globo, durante o Carnaval 2010. Era tanto “neguinho” querendo saber de tudo e na verdade não sabiam de nada. Quanto a qualidade de áudio, é melhor nem pontuar. As imagens, acredito que a pessoa que fazia os cortes nunca assistiu uma transmissão ao vivo pela TV, nada era sincronizado, nada funcionava...

Parece que não estou sozinho com esta opinião. O Paulo Silva escreveu em sua coluna, do jornal A Gazeta, sobre a “dolorida transmissão”. Acompanhe:


Foi duro acompanhar transmissão do Carnaval ao vivo por rádio e televisão. Não dava para aguentar tanta gente falando bobagem, e não saber sequer a diferença entre ala e alegoria. Era tanta gente – apresentadores e repórteres – falando ao mesmo tempo, que mais parecia um monte de periquito na mangueira. Como se não bastasse, ainda tinha radialista e apresentador de TV torcendo por sua escola na transmissão.

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

PARÁ ==Operação resgata 34 menores em Mosqueiro

Em dois dias, a operação “Cadê Seu Filho” resgatou 26 adolescentes e oito crianças em locais de risco na ilha de Mosqueiro, distrito de Belém. Sob coordenação da DATA (Divisão de Atendimento ao Adolescente), a ação foi realizada para garantir a tranquilidade durante as festividades de Carnaval no balneário. A operação foi realizada na sexta-feira(12) e no sábado(13).

A equipe fiscalizou estabelecimentos comerciais em geral, como bares e locais públicos. A maioria das crianças foram encontradas em bares. Outros estavam na rua em horários proibidos por lei.

No sábado, uma criança de 12 anos foi encontrada consumindo bebida alcoólica em um bar na estrada do Cajueiro. O dono

do estabelecimento foi enquadrado em TCO (Termo Circunstanciado de Ocorrência) por fornecer bebida alcoólica ao menor. Os menores de idade foram encaminhados ao Conselho Tutelar.

Na sexta-feira, duas crianças foram encontradas, por volta de 22h30, em um trailer de lanches em que era comercializada bebida alcoólica. O local ficava em frente ao muro de uma escola municipal. O ponto comercial não apresentava licença para funcionamento. Durante o decorrer da operação, os agentes flagraram em uma lan-house – casa de jogos eletrônicos em rede e de acesso à Internet - dois adolescentes, em horário além do permitido por lei. O dono do local foi notificado.

Os agentes percorreram diversos pontos de Mosqueiro, como praias do Ariramba, Carananduba e Morubira, bem como, na sede da ilha.

Para a delegada Socorro Maciel, diretora da DATA, a ação trouxe mais segurança ao distrito e contribuiu para a redução de ocorrências criminais.

Com finformações da Ascom Polícia Civil-PA

MAIS CARNAVAL !!!!!

Já que o assunto é Carnaval, vamos lá:

Hoje tem Futebol a Fantasias na Praça Nossa Senhora da Conceição, no bairro do Trem.

Programação:

09:00h Ornamentação da Praça
10:00h Chegada do Boi
13:00h Almoço (Banquete dos Deuses)
16:00h Desfiles
17:30h Jogo entre Dondocas e Bonecas
20:00h Show com a Banda Placa


No Rio de Janeiro, abram alas que a ESTAÇÃO PRIMEIRA DE MANGUEIRA vai desfilar.

"...atrás da Verde e Rosa só não vai quem já morreu/"


CARNAVAL 2010 DO RIO DE JANEIRO

ORDEM DE DESFILES DO GRUPO ESPECIAL

Segunda-Feira 15/02/2010
1ª – Mocidade
2ª – Porto da Pedra
3ª – Portela
4ª - Grande Rio
5ª - Vila Isabel


6ª - Mangueira

O CARNAVAL CONTINUA

HOJE TEM BLOCOS NA AVENIDA IVALDO VERAS
ORDEM DE APRESENTAÇÃO DOS BLOCOS DA LIBA

Segunda, 15, LIBA

19h00 Saci Pererê
19h45 Filhos da Mãe Luzia
20h30 Bafo da Onça
21h15 Pica-Pau Bolero
22h00 Rolará
22h45 Kubalança
23h30 Unidos do Pau Grande
00h15 Filhos da Fruta
01h00 Blocanal
01h45 Metido na Xexênia
02h30 Mancha Negra
03h15 Unidos do Cabralzinho

sábado, 13 de fevereiro de 2010

Carnaval paraense é destaque fora do estado

A diversidade marca o Carnaval no Pará. A mistura de festas populares e belezas naturais fazem um grande atrativo para muitos dos nossos 144 municípios. Foi com essa marca que o Carnaval paraense ganhou destaque essa semana em vários veículos de imprensa pelo país afora. O Jornal da Cidade de Bauru, por exemplo, publicou matéria recomendando as praias e as festas paraenses.
Uma das festividades recomendadas foi o Carnarimbó, no município de Marapanim, região nordeste do estado, onde há mais de 10 anos cerca de 80 mil pessoas se reúnem para celebrar ao som do mais tradicional estilo musical paraense.

Terra de Mestre Lucindo, um dos precursores do estilo, Marapanim recebe visitantes de todo o estado que brincam em blocos, escolas de samba e trios elétricos. Além das festas, a reportagem ressalta as belezas naturais como a praia do Crispim, muito concorrida nessa época.

Outra manifestação cultural anunciada é o bloco "Pretinhos do mangue", que em sai pelas ruas de Curuçá, há 130 quilômetros da capital, coberto de lama do mangue, protestando de forma irreverente contra a destruição da natureza.O bloco começou em 1989 quando um grupo de amigos decidiu pegar caranguejo no mangue e se surpreendeu com a falta do crustáceo. Decidiram protestar andando pela cidade cobertos com lama. A cada ano o bloco vem aumentando e a festa é incrementada com trios elétricos e blocos de carnaval.

O site Pingado também exaltou a festa do município de São Caetano das Odivelas, a 100 quilômetros de Belém, onde a animação fica por conta do "Boi de Máscara", blocos que são puxados sob o símbolo de um boi. Os mais tradicionais bois de máscara, o Tinga e o Faceiro, são também os arrastões mais disputados entre os nove blocos que participam. "Há, inclusive, a exemplo dos famosos bois Garantido e Caprichoso, de Parintins (AM), uma disputa entre os participantes. Outro destaque da cidade são as suas bandas musicais", diz o site. Aos domingos de Carnaval, a partir de 5h30, é costume a comunidade de São Caetano acordar ao som destas bandas, que percorrem as ruas da cidade durante uma hora, movimento conhecido como "Alvorada Musical".

O Carnaval Paraense tem também festas tradicionais como o Carnapauxis, realizado em Obidos, onde impera a figura do Mascarado Fobó, um folião que vesta mascara e roupão colorido e foi incorporado através da tradição européia. Além dos concorridos blocos, a festa de Óbidos é incrementada com atrações musicais e belezas naturais como banhos de rios e cachoeiras.

Na capital, um dos destaques, além dos desfiles de escolas de samba, que receberam mais de R$ 2 milhões em subvenção este ano, é a Escola de Samba Crias do Curro Velho, que desfilou no último final de semana. Os brincantes do Curro Velho desfilaram no domingo (7), pelas ruas do centro de Belém. Na ocasião, foi lançada a Campanha Nacional de Enfrentamento da Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes 2010. Neste ano, participaram aproximadamente 500 crianças e adolescentes, distribuídos em três carros alegóricos, dois casais de mestre-sala e porta-bandeira, um porta-estandarte, oito alas, comissão de frente e uma média de 160 ritmistas na bateria.

Para que o paraense possa aproveitar este Carnaval em paz, foi montada uma ação conjunta das polícias Militar e Civil, Corpo de Bombeiros, Detran e polícias rodoviárias Federal e Estadual que garantem a segurança dos foliões. O governo disponibiliza 2.100 policiais militares, 130 policiais civis e 130 homens do Corpo de Bombeiros para a operação. A Polícia Militar vai reforçar o policiamento em 33 municípios, onde as festas ou a atividade balneária são mais intensas.


MINHA OPINIÃO:

Bem que Macapá devia seguir os bons exemplos do Pará e fazer também seu carnaval diferenciado, ou seja, com peculiaridades de cada região.

Hoje o que se vê no Estado, é uma farra de música baiana. Estão até fazendo Mazagão Folia, Curiaú folia, Pedreira Folia... do jeito que vai, não tem tradição que resista.

Bom para os "criadores" dessas folias, que ficam a cada ano com um bom dinheiro no bolso e sentem-se verdadeiros "donos" da Folia.

Você sabe de quem estou falando... C V L Z , Entedeu ou quer que eu desenhe?

OLHA O CARNAVAL AÍ GENTE !!!!

NA SEGUNDA

Futebol a Fantasia

Acontece dia 15/02 (Segunda-feira) na Praça Nossa Senhora da Conceição com a seguinte Programação:

09:00h Ornamentação da Praça
10:00h Chegada do Boi
13:00h Almoço (Banquete dos Deuses)
16:00h Desfiles
17:30h Jogo entre Dondocas e Bonecas
20:00h Show com a Banda Placa

HOJE E AMANHÃ

Horário de Desfile das Escolas de Samba

HOJE =

DIA 13 de Fevereiro (Sábado)

22:00h ás 23:20h – Embaixada de Samba Cidade de Macapá
23:30h ás 00:50h – G.R.I.S. Solidariedade
01:00h ás 02:20h – E.S.M.I. Jardim Felicidade
02:30h ás 03:50h – A.R.E.S. Império do Povo
04:00h ás 05:20h – G.R.E.S. Maracatú da Favela


AMANHÃ =
Dia 14 de Fevereiro (Domingo)

22:00h ás 23:20h – G.R.E.S. Emissários da Cegonha
23:30h ás 00:50h – G.R.C.A.S. Unidos do Buritizal
01:00h ás 02:20h – G.R.E.S. Piratas Estilizados
02:30h ás 03:50h – A.R.C.E.S. Piratas da Batucada
04:00h ás 05:20h – A.U.S. Boêmios do Laguinho

O SHOW DA MARJÔ - PARTE 2

Está no blog da amiga Alcinea Cavalcante:

Sindjor e Fenaj repudiam presidente da Liga das Escolas de Samba do Amapá
Postado por: Alcinéa
12.02.10 7:28 pm

Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Amapá

NOTA OFICIAL

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado do Amapá (Sindjor/AP) e a Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) protestam e repudiam, mais uma vez, a decisão da presidente da Liga das Escolas de Samba do Amapá – Liesa -, Maria José Silva, conhecida por “Marjô”, de não credenciar para a cobertura do carnaval 2010, jornalistas e veículos de comunicação que, reconhecidamente, fazem esse trabalho há anos. Fato parecido aconteceu no ano passado.
Além de impor a censura, a decisão fere de morte o direito constitucional do livre exercício da profissão. Não custa nunca lembrar que os grandes prejudicados pela censura são os cidadãos, privados do seu direito de serem livremente informados.
Este ano, veículos de comunicação como o Diário do Amapá, Rádio Difusora, sites, blogs e etc, além de profissionais, são vítimas desse tipo de violência praticada por dona Marjô. Não pode haver privilegio, tão pouco, discriminação por pura vingança ou pirraça.
Estamos novamente acionando as autoridades competentes, na tentativa de não permitir que jornalistas sejam impedidos de exercer a profissão. Isso é um retrocesso do estado democrático de direitos, com prejuízos sem precedentes à sociedade
Volney Oliveira
Presidente